quinta-feira

Lisboa 1758 - O Plano da Baixa Hoje




Foi inaugurada no dia 18 de Junho uma exposição, patente no Páteo da Galé, num edifício do lado poente do Terreiro do Paço, que assinala os 250 anos do Plano da Baixa (1758), numa viagem que se inicia na Lisboa de antes do terramoto (de que está exposta uma enorme maqueta) e vai até aos dias de hoje, quando se perspetiva uma intervenção de requalificação desta área emblemática da cidade.

A exposição organizar-se-á em três secções principais: 1) contextos e antecedentes; 2) o plano de 1758 em todas as suas perspectivas e características, com especial relevância para as questões metodológicas; 3) a evolução da área-plano da Baixa entre a 2ª metade do sec.XVIII e a actualidade, na qual se expõe a estratégia delineada pelo actual executivo para a revitalização da Baixa, baseada na implementação de medidas urbanísticas de fundo e pelo desenvolvimento de projectos âncora.

Esta mostra será inaugurada no dia 18 de Junho, às 18h00, e aberta ao público no dia 19, no Páteo da Galé (Praça do Comércio), estando patente até ao dia 1 de Novembro.
Horário da Exposição: todos os dias das 11h00 - 19h00
Co-organização: Câmara Municipal de Lisboa / Associação de Turismo de Lisboa
Comissários: Ana Tostões, Instituto Superior Técnico, Lisboa; Walter Rossa, Universidade de Coimbra
Design da Exposição: Atelier Henrique Cayatte

Texto: site da câmara municipal de Lisboa

1 comentário:

sofia cherchar disse...

Conheci uma idosa de 95 amos de idade que vivia próximo Palacete FONTE DA PIPA e sabia a Lenda ela contou-me tudo sabia de todos os mitos antigos, historias passadas de fantasmas que andavam a cavalo pelo palacete é pena que não escrevi naquele momento pois só ela é que sabia da História daquele Lugar não está escrito em lado nenhum apenas estava na memória das suas gerações e vão contado o passado que só ela sabia é pena que não lembro-me nome da senhora mas sei onde ele viveu.
Adicionar um comentário...